Velante | Gravação em granito e cavalo de bronze | 2018 (Montada no Abre-alas 15, na Gentil Carioca)

Diáspora | Gravação em granito e cavalos de bronze | 2018 (Montada no Abre-alas 15, na Gentil Carioca)

 

Esculturas espirituais (série) | Granito e cavalos de bronze | 2018

Diáspora | Gravação em granito e cavalos de bronze | 2018

Dengo | Gravação em granito e cavalos de bronze | 2018

Evocação | Gravação em granito e cavalo de bronze | 2018

Diáspora (esq), Dengo (centro) e Evocação (dir) | 2018

Série Esculturas espirituais montada na exposição Formação e Deformação, nas Cavalariças da Escola de Artes Visuais do Parque Lage (Dezembro, 2018)

 

A série Esculturas espirituais  nasce a partir de um desejo particular de criar uma escultura do espírito. Tendo como signos o cavalo e a pegada, busco articular essas duas partículas a fim de trazer a tona camadas de existência invisíveis, porém pulsantes. A ideia é catalizada da minha vivência religiosa com a Umbanda, pois chama-se de cavalo o homem ou mulher que serve de “corpo” para os orixás e entidades nos rituais realizados.Dentre outras formas de manifestação e representação, o espírito incorpora no corpo do cavalo e se faz presente.

As esculturas espirituais, no entanto, buscam instaurar a dinâmica do espírito e do corpo, a de evocar, chamar à memória. Seja ele o espírito do tempo, do homem, de um povo em diáspora, do Estado, ou um espectro, um peso, uma lembrança.

+ Obras